A FÉ como manifestação de justiça



Quando a pessoa é instruída em justiça, no reino espiritual começa a quebrar níveis de incredulidade no coração; então ela começa a ver pela ótica de Deus, segundo a dimensão do Pai, sabendo que Ele está no comando, executando e guiando.


A Bíblia diz: “Assim também a fé, se não tiver obras, é morta em si mesma. Mas dirá alguém: tu tens fé, e eu tenho obras; mostra-me a tua fé sem as obras, e eu te mostrarei a minha fé pelas minhas obras.” (Tiago 2:17,18)


Devemos ter uma FÉ viva, ao ponto de injetarmos FÉ em outras pessoas. A FÉ tem que ser prática, porque é um exercício que quanto mais se exercita, mais se tem. Isso manifesta um sentimento de justiça que nos faz agir debaixo de legalidades.


O maior problema é que muitos querem começar por onde os outros estão terminando; já querem ser atletas, não tendo a disposição de passar por onde estes passaram. Isso está errado, o caminho deve ser trilhado.


Ninguém simplesmente sonha e acorda em outro local geográfico. Para se chegar a determinado local, é preciso um transporte e também exercitar a fé. Se for pelo método incorreto, é injustiça e isso é força do braço, fruto de uma mente cauterizada, foge do princípio central de Deus. “Mas buscai primeiro o reino de Deus e a sua justiça, e todas as coisas vos serão acrescentadas.” (Mateus 6:33)


Renê Terra Nova

0 visualização
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

©2020 by Renê Terra Nova

Av. Coronel Teixeira, 5001, Ponta Negra, Manaus,

Amazonas - Brasil