top of page

A Geografia da Colheita, a que mais impacta o coração de Deus (9)


“Então, disse aos seus discípulos: A ceifa é realmente grande, mas poucos os obreiros. Rogai, pois, ao Senhor da ceifa, que mande obreiros para a sua colheita.” (Mateus 9:37,38)


Quem aqui nunca se flagrou pensando: “Por que eu não me preparei para isso, diante das diversas surpresas que nos assolam?”. A Covid é um exemplo que pegou distraidamente os desorganizados, desde o pequeno ao poderoso empresário. A organização nos dá o poder de foco e clareza em todas as demandas que sobrevêm no meio dos projetos que estamos realizando. Veja um engenheiro projetista:


Quando ele é organizado, a obra anda; mas quando é improvisado, as frustrações se acumulam. Você é organizado? Uns vão dizer que sim, mas quando olham para seus resultados estão devedores de si mesmos, como também daqueles que confiam neles. O que fazer? Ser treinado para que os sonhos e projetos sejam mais bem elaboradas e os resultados sejam satisfatoriamente surpreendentes. “As mãos preguiçosas empobrecem o homem, porém, as mãos diligentes lhe trazem riqueza. Aquele que faz a colheita no verão é filho sensato, mas aquele que dorme durante a ceifa é filho que causa vergonha.” (Provérbios 10:4,5)


Esse versículo descreve a realidade de alguns líderes: Não se organizam, perdem tempo, depois procuram alguém para debitar seus fracassos. Essa mediocridade tem pegado alguns como peste, ou uma praga que se reproduz nas geografias. Não podemos culpar ninguém pelos nossos fracassos, pois somos donos também da falta de êxito nos territórios onde militamos. Você lembra de José? Organizou os celeiros e se tornou o homem da administração.


Mas, se você observar, desde Gêneses, houve uma logística poderosa para o homem poder desfrutar do Éden. A visão de organização partiu de Deus Pai, o Criador. Isso é tão impressionante que nos encabula, pois Ele criou todas as coisas, avaliou que eram boas, e aí colocou o homem no seu projeto pensado. “No princípio criou Deus os céus e a terra.” (Gênesis 1:1). A partir dessa decisão as coisas começaram a se organizar.


A maioria de nós quer um ministério grande, uma “empresa” poderosa, uma Igreja influente... e quando somos comissionados para organizar não fazemos, ou colocamos desqualificados para realizarem o que eles não sabem; não é a expertise deles, depois os culpamos por não dar certo. Precisamos de: “Pessoas certas, nos lugares certos, por razões certas”. O que é isso: Inteligência de organização para que não se encontrem desperdícios na obra que estamos realizando.


Não existe um líder admirável na Bíblia que não tenha elaborado e organizado um projeto para que os sonhos fossem realizados. Seu ministério só será relevante quando, em primeiro plano, você organizar para depois multiplicar. O crescimento sem organização não passará de um movimento isento de avivamento. Siga o princípio de Gênesis 1:26-28: Primeiro organize, depois cresça, multiplique e encha a terra. Ou seja: Conquiste sua geografia! Se obedecermos os princípios e nos organizarmos, com certeza, o êxito estará a nossa porta. A desorganização é um elo de fracasso na nossa geografia. A organização é a chave do êxito no território onde estamos estabelecidos.

72 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page