top of page

Ansiedade ou expectação?


Somos uma geração ansiosa!


Segundo as estatísticas da OMS, somos o país "número um" no mundo em ansiedade, da criança de peito ao idoso inconformado. Temos muitas lutas e guerras somadas no nosso dia a dia e, por isso, perdemos a visão do futuro, cultuamos o passado e não desfrutamos do presente. Não tem nenhum problema em sonhar e gerar expectativa com o que planejamos e colocarmos nossos planos e projetos diante de Deus. Ele próprio nos estimula a um futuro abençoado.


“Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês, diz o Senhor, planos de fazê-los prosperar e não de causar dano, planos de dar a vocês esperança e um futuro.” (Jeremias 29:11)


Não confunda ansiedade com expectação. A ansiedade, muitas vezes, humanamente falando, não temos controle sobre ela; a expectação é a visão do futuro que o Senhor está nos dando, e aqueles sonhos que nós profetizamos para uma vida de êxito. Não podemos subestimar que a ansiedade nos visita, mas não podemos assumi-la como decreto final.


Nos livros técnicos de comportamento humano, eles têm por missão orientar os quadros que se desenvolvem dessa doença do século e as suas variantes. Mas a teologia é mais firme em trabalhar a fé e nos trazer para um outro entendimento de como podemos vencer os problemas que nos cercam. Temos uma Esperança Viva, temos o Agente da Paz, temos o nosso Maravilhoso Conselheiro Jesus. Quando nossa confiança está n'Ele, as inseguranças deixam de ocupar espaços e somos socorridos em tempo oportuno, assim como narra no livro de Hebreus.


“Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração. E não há criatura alguma encoberta diante dele; antes todas as coisas estão nuas e patentes aos olhos daquele com quem temos de tratar. Visto que temos um grande sumo sacerdote, Jesus, Filho de Deus, que penetrou nos céus, retenhamos firmemente a nossa confissão. Porque não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas; porém, um que, como nós, em tudo foi tentado, mas sem pecado. Cheguemos, pois, com confiança ao trono da graça, para que possamos alcançar misericórdia e achar graça, a fim de sermos ajudados em tempo oportuno. (Hebreus 4:12-16)


A teologia de Jesus é muito clara. Quando a aflição nos visita, precisamos colocar a nossa EXPECTATIVA n'Ele (João 16:33), e não perdermos o foco n'Ele, pois sem o Príncipe da paz, dificilmente conseguiremos andar e avançar para os planos e projetos que o Senhor tem sonhado para nós. A questão é que a expectação é um olhar para o futuro e o processo não deve ser frustrado para não gerar ansiedade.


“A expectativa que se adia deixa o coração adoecido, mas o anseio satisfeito renova o vigor da vida.” (Provérbios 13:12)


Renê Terra Nova

40 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page