O Evangelho de Cristo é meu maior tesouro


“Por cuja causa padeço também isto, mas não me envergonho; porque eu sei em quem tenho crido, e estou certo de que é poderoso para guardar o meu depósito até àquele dia.” (II Timóteo 1:12)


Mas eu sei em quem eu tenho crido. Essa convicção muda qualquer histórico. Quando viemos para Jesus foi despretensiosos de toda e qualquer intenção de receber dEle algo a mais que a salvação. O poder do Evangelho quando é pregado por alguém que tem a vida em Deus é tão sublime que qualquer cadeia que nos prendia, de imediato, solta-nos e começamos a viver em outra dimensão. Você lembra quando você recebeu Jesus? Que coisa fascinante, foi um sonho que nem sabíamos que existia, viver essa vida e desfrutar de uma paz que excede a todo entendimento. Você que desfruta dessa verdade sabe que não seria a mesma pessoa se Jesus não tivesse interferido e marcado sua história de vida. “E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus.” (Filipenses 4:7)


Sim, depois que nossa vida ganhou essa nova natureza, o tesouro de Cristo possuiu nossa mente. Eu tenho a mente de Cristo! “Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido.” (I Coríntios 2:14,15). Que pretensão terrível alguém afirmar que tem a mente dAquele que foi e é o mais ungido de todos os homens que já pisou nesse Planeta. Porém, é gracioso você raciocinar que não está trabalhando com sua mente comum, mas entendendo que há um sistema de governo no mundo espiritual que opera na vida daqueles que se deixam ser usados por Cristo Jesus. Assim como existe uma organização da maldade querendo prender a mente dos filhos da luz, existe também uma operação que governa e dá direito aos filhos de Deus raciocinarem por princípio e trazerem para a Terra a mente do Céu.


Você já se imaginou se apossando desse tesouro e tendo essa mente ungida? Às vezes, pensamos que os tesouros estão relacionados com o que Isaías relata no capítulo 45, os tesouros escondidos e riquezas que não foram reveladas. “Dar-te-ei os tesouros escondidos, e as riquezas encobertas, para que saibas que eu sou o Senhor, o Deus de Israel, que te chama pelo teu nome.” (Isaías 45:3). Sim, podemos nos apossar dessa verdade, mas não é só sobre isso, quero ir além. Eu diria que esse tesouro é o Evangelho de Cristo que liberta o homem dos seus pecados e restitui os que estavam em dívida espiritual, abre a visão dos cegos e abre as prisões dos presos. A libertação no espírito e na vida de qualquer pessoa já se torna um dos maiores tesouros que um indivíduo possa receber. Uma mente renovada, como relata Romanos 12, é uma das maiores riquezas que um ser humano possa adquirir. Eu sou muito RICO por possuir a mente de Cristo, claro que em proporção equivalente à minha realidade, mas um dia chegaremos lá. Todos que nasceram de novo tem direito a esse tesouro, homens de barro recebendo a excelência do poder por causa do Evangelho de Cristo. “Temos, porém, este tesouro em vasos de barro, para que a excelência do poder seja de Deus, e não de nós. Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados. Perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos; trazendo sempre por toda a parte a mortificação do Senhor Jesus no corpo, para que a vida de Jesus se manifeste também no nosso corpo; e assim nós, que vivemos, estamos sempre entregues à morte por amor de Jesus, para que a vida de Jesus se manifeste também na nossa carne mortal.” (II Coríntios 4:7-11)


Renê Terra Nova

30 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo