SÉRIE - O Evangelho do Cristo


Introdução


“Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus.” (II Coríntios 4:4)


Viver o Evangelho de Cristo é uma das maiores conquistas na vida de um líder. A Internet padronizou um ‘Cristo’ e um ‘Evangelho’ que não encontramos na Palavra nem com a hermenêutica mais pobre que os pseudos teólogos possam tentar elucidar. O Evangelho de Cristo é o Evangelho do compromisso e da vida irreversível. Não estou falando que não tenhamos demandas, mas o temor ao Senhor nos ensinará a respeitar a vida de Deus em nós e nos remete a uma responsabilidade que só quem nasceu de novo retém no seu caráter.


“Irmãos, quero lembrá-los do evangelho que preguei a vocês, o qual vocês receberam e no qual estão firmes. Por meio deste evangelho vocês são salvos, desde que se apeguem firmemente à palavra que preguei; caso contrário, vocês têm crido em vão. Pois o que primeiramente lhes transmiti foi o que recebi: que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, foi sepultado e ressuscitou no terceiro dia, segundo as Escrituras, e apareceu a Pedro e depois aos Doze.” (I Coríntios 15:1-5)


São tantas mentes confusas e interpretando os desejos do coração, se relevando por natureza filhos da ira. Porém, com a confusão de mentes, a Igreja foi invadida por espíritos desse mundo (pensamento de natureza humana) para tentar alinhar a doutrina de Cristo com os padrões do homem. Pensamos muitas vezes que não vamos conseguir, mas o espírito do anticristo está atuante nesta geração muito mais potencializado do que as gerações futuras.


“Quando vocês ouviram e creram na Palavra da verdade, o Evangelho que os salvou, vocês foram selados em Cristo com o Espírito Santo da promessa, que é a garantia da nossa herança até a redenção daqueles que pertencem a Deus, para o louvor da sua glória.” (Efésios 1:13,14)


Muitas informações têm chegado como se fosse uma boa notícia no arraial dos salvos, mas nada substitui o Evangelho de Cristo. O Evangelho só causa mudança se for pregado na sua essência e ministrado, segundo as Sagradas Escrituras. O Evangelho da glória de Cristo é o Evangelho da inteligência e, claro, que você saber lidar no mundo físico e a inteligência espiritual você vai ver o que os comuns não veem, e você vai viver o que os comuns não vivem. É uma ação de conquista no mundo espiritual que se materializa no mundo físico. Nós que nascemos de novo, sabemos que esse Evangelho é libertador e que nosso histórico é radicalmente transformador. O Evangelho de Cristo é o Evangelho do Messias, Aquele que muda destinos e reescreve história.


Continua...


Renê Terra Nova

23 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram