Ser forte é uma ordem Divina


“Sejam fortes e corajosos, todos vocês que esperam no Senhor!” (Salmo 31:24)


Deus nos deu uma ordem, e os que têm temor devem refletir, pois o Eterno jamais nos pediria alguma coisa que dEle mesmo já não tivesse providenciado. Há uma sugestão por parte do Senhor, ou se acata, ou se recusa. Qual a sugestão? Seja forte, seja corajoso! Não é fácil ser forte, mas é necessário. Não é fácil ser corajoso, mas não podemos nos esconder a vida toda. E é isto que tem ocorrido na vida de milhares: Não têm enfrentado suas guerras e têm parado no meio do caminho.


Chega uma hora que se tem que enfrentar o inimigo; se prepare e o enfrente. Seja de ordem física, emocional, espiritual, enfrente. Não podemos esperar que situações de trevas se avolumem, precisamos agir com a coragem do Reino, com as ferramentas que Ele mesmo nos entregou. Muitas vezes, ficamos contemplando as adversidades e não nos damos conta de que o adversário está avançando no território. O bom ânimo não é um fator psicológico para descanso, mas uma instrução para agir diante do inimigo.


Tenha bom ânimo


A palavra traduzida para ânimo é euthumeõ, que significa pôr-se em alegria, estar alegre ou manter sua alegria mesmo que a situação seja crítica. Isso é um exercício de confiança. Eu, em particular, quando a situação se aperta, oro de forma específica, leio a PALAVRA, leio um livro que me traz expectativas novas, ouço ministrações adequadas para o momento, e até alguns vídeos que provoquem alegria. Sorrir em tempos difíceis é um bom remédio para dar um alívio de alma. Tenha bom ânimo! Obedeça ao comando!


Outra versão para ânimo é o originário do latim: Animus, que está relacionada com restaurar a alma, reprogramando os pensamentos, sentimentos e emoções. Veja que conselho espetacular: “Meus irmãos, tendes pôr motivo de toda ALEGRIA o passardes por várias provações, sabendo que a APROVAÇÂO da vossa FÉ, uma vez confirmada, produz perseverança. Ora, a perseverança deve ter ação completa, para que sejais PERFEITOS e íntegros, em nada deficientes.” (Tiago 1:2-4). Se segurarmos, à risca, os conselhos aqui mencionados, iremos ter um resultado muitos saudável. Nosso problema é que funcionamos no nível da ama, mas quando nos posicionarmos no modelo do Espírito não nos faltará esse bom ânimo que a Palavra nos promete.


Renê Terra Nova

22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram