Ser leal em qualquer circunstância


“Melhor é a repreensão franca do que o amor encoberto. Leais são as feridas feitas pelo amigo, mas os beijos do inimigo são enganosos.” (Provérbios 27:5,6)


Não é fácil manter o padrão da lealdade com tantos ensinos paralelos. Porém, o texto bíblico acima nos desafia. Diria que, de fato, esta é uma verdade: Melhores são as feridas feitas pelo amigo que é leal, aquele que amamos, do que os beijos de quem libera engano sobre a nossa vida.


O que significa isso? Creio que nós que somos adultos “maduros” espirituais, podemos ver que vivemos numa sociedade que negocia muito os valores, e por estarmos sempre em rotas de colisão por declaramos o princípio da lealdade no nosso ciclo social, somos até achincalhados. Mesmos sendo massacrados, muitas vezes, por defendermos valores, nós não podemos nos intimidar em meio a esta guerra, até porque temos uma geração nos observando, e vemos que eles estão desejosos em aprender como se mover na lealdade. Mas para quê? Bem, a sociedade desconstruiu todo pensamento de Deus na mente do nosso povo e vamos precisar muito das ferramentas divinas para plasmar a vida de Deus nas geografias onde trabalhamos.


Notoriamente, já fomos resgatados das mãos do inimigo e temos uma missão em testemunharmos a chamada que Ele nos fez. “O qual nos tirou da potestade das trevas, e nos transportou para o reino do Filho do seu amor; em quem temos a redenção pelo seu sangue, a saber, a remissão dos pecados.” (Colossenses 1:13,14)


Ser leal em qualquer circunstância é uma missão. Ficamos observando esse povo com mente progressista, que tem cumplicidade “sem valor”, mas expressam uma falsa lealdade de relacionamento. Isso quer dizer: Se movem sem escrúpulo, competem ente eles e se ferem, depois, dão uma festa no estilo MUNDO e fazem acordos inescrupulosos e se realiançam. São cínicos, carnais e com uma capacidade de encenação incrível. Eles não têm limites para a maldade e as trevas os governam; eles fazem falsos pactos de LEALDADE. “Porque muitos há, dos quais muitas vezes vos disse, e agora também digo, chorando, que são inimigos da cruz de Cristo, cujo fim é a perdição; cujo Deus é o ventre, e cuja glória é para confusão deles, que só pensam nas coisas terrenas. Mas a nossa cidade está nos céus, de onde também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo, que transformará o nosso corpo abatido, para ser conforme o seu corpo glorioso, segundo o seu eficaz poder de sujeitar também a si todas as coisas.” (Filipenses 3:18-21)


Nossa assimilação de LEALDADE é cercada pelo Calvário, onde Jesus é o nosso vínculo maior. Sabemos que nosso modelo Jesus nos capacitou pelo Seu pacto a sermos leais uns com os outros e não negociarmos valores. Vejo, hoje, muitos homens de Deus vivendo suas batalhas interiores, mas não negociam sua chamada nem negam o Nome do seu Senhor. Não é fácil enfrentar este secularismo, mas podemos dizer que viramos a CARTA ABERTA QUE O MUNDO LÊ.


“Porventura começamos outra vez a louvar-nos a nós mesmos? Ou necessitamos, como alguns, de cartas de recomendação para vós, ou de recomendação de vós? Vós sois a nossa carta, escrita em nossos corações, conhecida e lida por todos os homens. Porque já é manifesto que vós sois a carta de Cristo, ministrada por nós, e escrita, não com tinta, mas com o Espírito do Deus vivo, não em tábuas de pedra, mas nas tábuas de carne do coração. E é por Cristo que temos tal confiança em Deus; não que sejamos capazes, por nós, de pensar alguma coisa, como de nós mesmos; mas a nossa capacidade vem de Deus, o qual nos fez também capazes de ser ministros de um novo testamento, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata e o espírito vivifica.” (II Coríntios 3:1-6)


Vamos escrever uma história nova ainda que o mundo esteja confuso. Não negociaremos a visão que Deus nos deu nem deixaremos uma marca negativa para a geração que se espelha em nós. Somos sal e luz para esses que nos observam. Somos, de fato, resposta de um pacto, e em qualquer circunstância estaremos firmes diante dEle, pois toda e qualquer crise que passamos, olhando para Ele, somos constrangidos e O teremos como nosso Modelo. Ser leal em qualquer circunstância é dever de quem conheceu a Cristo e se deixou ser a carta aberta que o mundo lê.


Renê Terra Nova

0 visualização
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

©2020 by Renê Terra Nova

Av. Coronel Teixeira, 5001, Ponta Negra, Manaus,

Amazonas - Brasil