A Doutrina do Evangelho e a Doutrina de Cristo (Parte 10)


“Todo aquele que prevarica, e não persevera na doutrina de Cristo, não tem a Deus. Quem persevera na doutrina de Cristo, esse tem tanto ao Pai como ao Filho. Se alguém vem ter convosco, e não traz esta doutrina, não o recebais em casa, nem tampouco o saudeis. Porque quem o saúda tem parte nas suas más obras.” (II João 1:9-11)


A seriedade de João nessa carta tão pequena, mas de grande relevância doutrinal, nos mostra o compromisso e pacto que devemos ter, e que não vale a pena investir tempo, energia, dons e talentos em pessoas que não valorizam seu trabalho e denigrem seu esforço. Na vida, sempre seremos surpreendidos, não vamos fugir dos prevaricadores, mas não seremos isentos dos blasfemadores, que não medirão esforços para poupar você de terríveis desgastes físicos, emocionais e espirituais. Isso mostra que a vida é uma arena em que somos testados em todo tempo. Manter a doutrina de Cristo como um candelabro aceso no nosso caráter é privilégio de poucos.