Alinhados na arte de SERVIR (final)



“Porque então darei uma linguagem pura aos povos, para que todos invoquem o nome do Senhor, para que o sirvam com um mesmo consenso.” (Sofonias 3:9)


Ontem falamos sobre como o Senhor tem o governo das nações e que todos vão celebrar o Seu nome, tanto grandes como pequenos. E podemos nos alegrar por sermos Seus SERVOS. Isso é um privilégio sem tamanho. Jamais devemos perder a visão de serviço que nos foi confiada.


Temos visto que servir é uma das maiores dádivas, é a nossa ação de entregar ao Senhor nossos dons e talentos, enquanto experimentamos os Seus milagres. Aprendemos da devocional anterior sobre dois processos que o Senhor indica para que sejamos mais focados nas áreas que Ele mesmo nos comissionou para fazermos a obra sem relaxamento que foram:


- Ter uma linguagem pura


“Linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se envergonhe, não tendo nenhum mal que dizer de vós. Exorta os servos a que se sujeitem a seus senhores, e em tudo agradem, não contradizendo, não defraudando, antes mostrando toda a boa lealdade, para que em tudo sejam ornamento da doutrina de Deus, nosso Salvador.” (Tito 2:8-10)


- Saber invocar o Nome do Senhor


“Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto. Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao Senhor, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar. Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos. Porque, assim como desce a chuva e a neve dos céus, e para lá não tornam, mas regam a terra, e a fazem produzir, e brotar, e dar semente ao semeador, e pão ao que come, assim será a minha palavra, que sair da minha boca; ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei.” Isaías 55:6-11)


E hoje vamos falar sobre:


Entrar em consenso na arte de servir


Nós não podemos servir divididos. Acredito que o ponto mais poderoso no caráter de SERVIR é o CONSENSO. A ideia não é minha, é uma decisão do Céu: Ter a habilidade de ser relacionar e de se sujeitar um a outro em amor. Parece difícil que numa geração de pensamentos plurais, quando cada um já é dono do seu próprio conceito, ser SERVO é uma chamada de consenso, vamos alinhar os pensamentos e entender que somos servos um do outro por causa do Senhor sobre TODOS. “Dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo; sujeitando-vos uns aos outros no temor de Deus.” (Efésios 5:20,21)


Se colocarmos esses princípios em ordem, com certeza seremos mais aprovados, impactaremos as nações e seremos um testemunho na arte de servir. Precisamos entender que a ORDEM vem de CIMA (Céu) para baixo (Terra), onde Seus filhos se alegrarão em cumprir Seus princípios e as ordens emitidas na direção do povo. Vamos servir com UMA LINGUAGEM PURA e ENTRAR EM CONSENSO NA ARTE DE SERVIR para saber invocar e exaltar o Nome do Senhor. O Senhor nos alinhará e nós daremos bons frutos.


Renê Terra Nova

11 visualizações
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

sempreservo12@

yahoo.com.br

(92) 98114.1212

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Instagram Icon

©2020 by Renê Terra Nova

Av. Coronel Teixeira, 5001, Ponta Negra, Manaus,

Amazonas - Brasil