Concedendo a MESA da nossa CASA



“Feliz aquele que teme ao SENHOR e anda nos seus caminhos. Porque comerá do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem. A tua mulher será como a videira frutífera aos lados da tua casa; os teus filhos como brotos de oliveira à roda da tua mesa. Eis que assim será abençoado o homem que teme ao Senhor. O Senhor te abençoará desde Sião, e que todos os dias da sua vida, você viva para ver o progresso de Jerusalém. E você verá os filhos dos teus filhos, e a paz sobre Israel.” (Salmos 128:1-6)


Quem é a minha família e o que Deus tem para mim? Há muita coisa que você vê disfuncional na família de outras pessoas que pode ser disfuncional na sua também. Assim como pode ser que você olhe para as disfunções de algumas casas e veja o quão saudável é a sua família. Bem, a verdade é que independente de como está a sua casa, Deus tem um plano para ela. Se a sua casa está desajustada, o Senhor quer entrar com providência. Se a sua casa está ornada nos princípios da Palavra, Deus quer usá-la como exemplo, se ainda não estiver ajustada o milagre proverá dia céus.


Precisamos compreender o que Deus quer fazer na nossa casa e na nossa família, e como Ele quer nos usar. E, para isso, é preciso refletir e pontuar o que é necessário para vivermos de acordo com o que Ele tem para nós. Deus tem um mistério para que as casas vivam milagres e o extraordinário dEle. E, para isso, temos que entender que somos o resultado da mesa da nossa casa.


A mesa da nossa casa é social


Você já imaginou o quanto nossa casa tem de conteúdos sociais e que, em muito, se parece com uma casa comum e que está precisando de cura? A mesa da nossa casa é social. Os assuntos de interatividade social estão na mesa da nossa casa informalmente e nós nem nos damos conta, nem prestamos atenção em como estão contidos e imergidos em nós. Você pode dizer que a mesa da sua casa não é social, porque vocês não se sentam mais à mesa nem conversam mais entre si. Isso é uma disfunção e nunca foi intenção do Pai que vocês chegassem a esse ponto.


Por isso, como homens e mulheres de Deus, precisamos ajustar nossa linguagem, mesmo que se mantenha a inteligência do relacionamento social, a mesa da nossa casa precisa sustentar uma linguagem que padronize os filhos e cônjuges para essa vida nova que cada um possui em Jesus. Mesmo vivendo em sociedade, nós sabemos que não somos daqui e que não é fácil competir com as influências sociais e todo nível de ensino que o mundo tenta nos seduzir. Uma mesa social mantem a conversa atualizada sem precisar carnalizar o ambiente nem fugir da responsabilidade que temos de ser sal e luz dos ambientes geográficos onde estamos inseridos, e nenhum deles é mais poderoso do que a mesa da nossa casa.


Renê Terra Nova

138 visualizações0 comentário
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram