©2020 by Renê Terra Nova

Av. Coronel Teixeira, 5001, Ponta Negra, Manaus,

Amazonas - Brasil

Endireitando o caminho tortuoso



“Todo o vale será exaltado, e todo o monte e todo o outeiro será abatido; e o que é torcido se endireitará, e o que é áspero se aplainará.” (Isaías 40:4)


Tudo que é torto será consertado. Que promessa! Veja bem, esta semana começamos falando do vale de depressão que o Senhor nos tiraria, e nos colocaria em lugares seguros, e faria de nós um ornato geográfico. Acredito piamente nessa promessa. Porém, a liberação está em processo, pois existem lugares que estão tortuosos não nossa vida.


Quando o Senhor tirou Israel do Egito, Ele disse que os homens maus, da geração perversa, não entrariam na promessa, e ainda especificou quem se apossaria da terra que Ele havia prometido.


“Ouvindo, pois, o Senhor a voz das vossas palavras, indignou-se, e jurou, dizendo: Nenhum dos homens desta maligna geração verá esta boa terra que jurei dar a vossos pais. Salvo Calebe, filho de Jefoné; ele a verá, e a terra que pisou darei a ele e a seus filhos; porquanto perseverou em seguir ao Senhor. Também o Senhor se indignou contra mim por causa de vós, dizendo: Também tu lá não entrarás. Josué, filho de Num, que está diante de ti, ele ali entrará; fortalece-o, porque ele a fará herdar a Israel. E vossos meninos, de quem dissestes: Por presa serão; e vossos filhos, que hoje não conhecem nem o bem nem o mal, eles ali entrarão, e a eles a darei, e eles a possuirão. Porém vós virai-vos, e parti para o deserto, pelo caminho do Mar Vermelho. Então respondestes, e me dissestes: Pecamos contra o Senhor; nós subiremos e pelejaremos, conforme a tudo o que nos ordenou o Senhor nosso Deus. E armastes-vos, cada um de vós, dos seus instrumentos de guerra, e estivestes prestes para subir à montanha. E disse-me o Senhor: Dize-lhes: Não subais nem pelejeis, pois não estou no meio de vós; para que não sejais feridos diante de vossos inimigos. Porém, falando-vos eu, não ouvistes; antes fostes rebeldes ao mandado do Senhor, e vos ensoberbecestes, e subistes à montanha.” (Deuteronômio 1:34-43)


Essa é uma palavra dirigida a Moisés, que fez com que o povo ficasse em Cades Barneia, porque não atentou para os detalhes da construção do caminho, e não tivesse o êxito que estava proposto.


O que aprendemos aqui? Ainda que sejamos líderes, que tenhamos intimidade com Deus, não seremos mimados quando a promessa está diante de nós e subestimamos o que Ele tem nos orientado. O caminho não será construído e restaurado como eu imagino, mas como o Senhor ordenou. “Eu endireitarei todo caminho tortuoso”. Quem contaminou ou danificou esse caminho?


Então, ele será restaurado segundo os códigos e princípios do Senhor e não como nós pensamos que será refeito. Caso contrário, ainda que seja um MOISÉS, o homem mais importante na história do Antigo Testamento, receberá uma exortação e ficará em meio ao caminho. “Tornando, pois, vós, e chorando perante o Senhor, o Senhor não ouviu a vossa voz, nem vos escutou. Assim permanecestes muitos dias em Cades, pois ali vos demorastes muito.” (Deuteronômio 1:45,46)


Renê Terra Nova

11 visualizações
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram