Honra e FÉ são princípios sagrados


“Como a neve no verão, e como a chuva na colheita, assim não fica bem dar honra para o tolo.” (Provérbios 26:1)


Impossível você falar de honra sem o exercício da FÉ. A honra tem uma base, a FÉ, e a FÉ não negará jamais esse princípio. Muitos homens de Deus, no passado, foram honrados por Deus por causa da FÉ que exerceram da direção do Pai. Você pode observar cada um deles, sem nenhuma exceção, foram honrados por estarem com a FÉ em ordem diante do Criador. Mas vamos aprender aqui algumas lições.


A honra é um legado do sábio, assim como a desonra é o patrimônio do tolo. Você cuidar de pessoas, tratar bem as pessoas, respeitar o próximo, são códigos de honra da FÉ do cristão. Porém, dar honra a tolo, é como ornar focinho de porco com pedras preciosas. Isso é muito forte, mas é real. Quantos estão liberando palavras e investindo FÉ na direção de homens e mulheres que não conectam a honra na nossa direção. Nosso sentimento de justiça não pode sair distribuindo honras alheias. A honra é um prêmio para quem trabalha e provou que seu esforço foi empenhado na tarefa.


Existe a honra inteligente, assim como existe a honra obtusa. A honra inteligente é aquela que você dá o merecido a cada um, inclusive NADA para quem não produz. Agora, a honra burra é aquela que você pune o que produz para não desagradar o improducente. Não existe recompensa para quem não dá resultado, pois nivelar a honra do que produz com o que não faz nada, traz transtorno na formação de caráter. Acredito que isso responde muitas perguntas que estavam sem resposta. Mesmo sendo homens de FÉ, se não cuidarmos desse desnivelamento, podemos somar erros grotescos na direção da nossa liderança.


Exerça sua FÉ e você verá que todo o processo doloroso na jornada de vida será ornado de honra da parte do Altíssimo.


Renê Terra Nova

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram