Jesus se manifestou

(1 João 4:2)


Nós temos o privilégio que nessa batalha espiritual estamos do lado de quem pode nos ajudar efetivamente. Sabemos que Jesus tem todo poder e que Sua magnificência está acima de tudo que possa surgir ou se nomear.


O Nome de Jesus é poderoso e não foi construído por homens, veio destinado dos céus. Seu Nome é para salvação de todo pecador que O confessa como Senhor. Rm 10:8-10. O que nos deixa impactados e reverenciando esse nome, é como Ele tem respaldo por cada conquista de tudo quanto Lhe é por direito. Muitos usufruem as conquistas dos “outros” e todos nós nos deliciamos com as conquistas dEle. O que somos e temos devemos tão somente a Jesus. Quem é Ele?


“E, sem dúvida alguma, grande é o mistério da piedade: Deus se manifestou em carne, foi justificado no Espírito, visto dos anjos, pregado aos gentios, crido no mundo, recebido acima na glória.” (I Timóteo 3:16)


Você pode mensurar o mundo espiritual todo preparado para receber Jesus em glória? Chegando triunfante; dono de tudo e Senhor de todos; se apossando do direito de ser autoridade sobre céus e terra, porque não fracassou na Sua missão como Filho do Homem; vencendo Satanás na carne e não no espírito, para credenciar a mim e você como autoridades que podem vencer a qualquer tentação e, claro, o inimigo das nossas almas. Jesus, em tudo, foi e é nosso Modelo, o Último Adão, para mostrar que as tentações podem surgir, mas temos o privilégio em dizer, NÃO. I Cor 15:45-57.


A revelação sobre quem é Jesus é inesgotável, pois por mais que nos aprofundemos no conhecimento dEle mais visão da Sua Glória recebemos, pois Ele é uma Fonte inesgotável de sabedoria e poder e nEle tudo se sustenta. “A quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo. O qual, sendo o resplendor da sua glória, e a expressa imagem da sua pessoa, e sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, havendo feito por si mesmo a purificação dos nossos pecados, assentou-se à destra da majestade nas alturas; feito tanto mais excelente do que os anjos, quanto herdou mais excelente nome do que eles.” (Hebreus 1:2-4)


Para quem Jesus se manifestou? Nós que O amamos e cremos no Seu poder, sabemos que Ele se manifestou, gerado por mulher, porta legal para entrada no Planeta, com a missão de destronar Satanás, desfazendo toda obra de encantamento na mente e nas emoções da humanidade. Ele construiu todas as coisas para que, por intermédio do Seu Nome, pudéssemos reinar tanto no plano físico como no espiritual. Ele se manifestou para que fossemos transformados de criaturas em filhos, e de filhos em herdeiros de Deus e co-herdeiros nEle de todas as coisas. Isso nos dá garantias de quem somos nEle e Ele em nós. O fato dEle ter se manifestado para destronar a Satanás desconstruindo todas as obras que o adversário havia feito, já é suficiente para que O sirvamos o resto das nossas vidas pelo poder glorioso que nEle opera.


“Quem pratica o pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: Para desfazer as obras do diabo. Qualquer que é nascido de Deus não permanece em pecado; porque a sua semente permanece nele; e não pode pecar, porque é nascido de Deus. Nisto são manifestos os filhos de Deus, e os filhos do diabo. Qualquer que não pratica a justiça, e não ama a seu irmão, não é de Deus.” (I João 3:8-10)


Renê Terra Nova

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram