top of page

Proteja sua geografia espiritual (4)


“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo! Conforme a sua grande misericórdia, ele nos regenerou para uma esperança viva, por meio da ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos.” (1 Pedro 1:3)


Somos um ser transformado, alcançado e regenerado pelo plano do calvário. Ninguém que passa pelo processo de regeneração é a mesma pessoa e fica sem desejo de comunhão com o Senhor. Os nascidos de novo foram gerados para uma vida de santidade na qual os comandos não são mais da carne, e sim do Espírito. A grande misericórdia do Senhor foi a gestora desse milagre chamado REGENERAÇÃO. Você sabe o que a regeneração, de fato, é? Então, regenerar é dar a capacidade de se restabelecer em qualquer ambiente social, familiar e espiritual. Uma pessoa regenerada mostra os passos da sua libertação e caminha em retidão com Deus e a Sua Palavra. Somos regenerados com uma semente incorruptível e o resultado da nossa vida é provar, no caráter, essa vida de Deus em nós. “Sendo de novo regenerados, não de semente corruptível, mas da incorruptível, pela palavra de Deus, viva, e que permanece para sempre.” (1 Pedro 1:23)


Na consciência da regeneração, estamos em devolução do nosso estado natural, pelo propósito que fomos criados. Nós, no espírito, sentimos desejo de servir ao Senhor e tributar louvores ao Seu Santo Nome. Não é da carne a vontade de acessar a presença de Deus; é do espírito o desejo de permanecer na presença do PAI. Se você conversar com uma pessoa comum esse pensamento não será entendido, mas se você compartilhar com um regenerado, alguém que tem a vida de Deus, os assuntos do Reino são a delícia do espírito.


Não é complexo entender a vida no espírito quando estamos em conexão com o Pai, mas é desafiador se manter em linha com a Palavra e a promessa. Se mantivermos a comunhão com Ele, qualquer guerra que queira interferir no nosso relacionamento poderá ser vencida. Nossa conduta de homem e mulher de Deus nos responsabiliza nessa chamada de amar a Deus e à Sua Palavra. Precisamos aprender a proteger nossa geografia espiritual, nos comprometendo com o conteúdo que alimente nosso espírito. Quando Jesus revelou a palavra da vida no espírito, ele já sabia que alguns caminhavam com Ele, mas tinham outra motivação. “O espírito é o que vivifica, a carne para nada aproveita; as palavras que eu vos digo são espírito e vida.” (João 6:63)


Você sabe quando uma pessoa é regenerada pela conduta, pela linguagem, pela forma de se comportar socialmente e, principalmente, como se compromete com as coisas de Deus. Sem julgamento, mas pelo comportamento aparente, nós olhamos algumas pessoas que são repetidoras dos hábitos mundanos, que não se preocupam com as consequências dos seus atos. “São um mal testemunho para o Evangelho”. Com certeza, essas pessoas estão no Reino, mas não são do Reino. O prazer de um regenerado é: Testemunhar do poder de Deus e da nova vida em Cristo, e anunciar que Ele foi quem o regenerou. As palavras, atitudes e contágio social são o ponto de partida para uma vida de êxito no espírito. Não posso crer que alguém se diga filho de Deus e se mantenha em envolvimento de obras de trevas.


“Filhinhos, sois de Deus, e já os tendes vencido; porque maior é o que está em vós do que o que está no mundo. Do mundo são, por isso falam do mundo, e o mundo os ouve. Nós somos de Deus; aquele que conhece a Deus ouve-nos; aquele que não é de Deus não nos ouve. Nisto conhecemos nós o espírito da verdade e o espírito do erro.” (1 João 4:4-6)

53 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page