Servimos ao Deus de MILAGRES


“Que darei eu ao Senhor, por todos os benefícios que me tem feito? Tomarei o cálice da salvação, e invocarei o nome do Senhor.” (Salmos 116:12,13)


Deus tem sido maravilhoso! Ele tem sido nosso Escudo, Socorro e Fortaleza. Ele está conosco nos momentos de angústia e não temos o que temer, ainda que sejamos surpreendidos por situações que fujam do nosso entendimento. Melhor é termos o Senhor como nosso Escudo e Fortaleza.


Que darei eu ao Senhor por todos os benefícios?


Eu quero falar para você que neste tempo, em que estamos proclamando o novo de Deus, o que podemos dar a Ele é o nosso coração, a nossa mente, a nossa estrutura, os nossos valores, a nossa vida e tudo o que faz parte do conteúdo de alguém que nasceu de novo, que sabe que não há outra saída, a não ser a entrada nEle. A única saída para o povo de Deus é a entrada nEle. Ele é a Porta, o Caminho, a Rocha, o Suporte e tudo o que precisamos.


Quando o salmista diz: “Que darei eu ao Senhor, por todos os benefícios que me tem feito? Tomarei o cálice da salvação, e invocarei o nome do Senhor.” (Salmos 116:12,13), significa que o Cálice da Salvação é uma providência Divina, assistida da parte do Eterno para nos socorrer e nos tirar de adversidades e momentos terríveis.


Cálice, na Bíblia, em todos os contextos, fala de destino. A primeira vez que cálice aparece na Bíblia, é em Gênesis 14, quando Melquisedeque faz uma aliança com Abraão, levanta o cálice e mostra a ele o destino para receber a bênção e o milagre extraordinário do filho legítimo, o filho da promessa. Também aparece o Cálice da Salvação como um resultado selado de uma grande guerra vencida. Ali foi a primeira ceia oficial que a Bíblia mostra, representando um destino uma promessa para o povo.


Na sequência, vemos o cálice de Benjamim, dentro do saco de trigos, colocado por José. Cálice, ali, foi destino para trazer a família para dentro do território, fazer com que a família fosse abençoada, moldada, mudada, acrescida, e protegida da fome, da peste, da praga e de todo tipo de assolação da maldade.


Cálice é destino para um povo, para uma família e é destino pessoal. Em relação a José, ele também ganhou outro nível de relacionamento com a família; houve cura, libertação e autorização para que os irmãos se tornassem pastores de um grande rebanho na terra de Gósen.


Deus mostra o Cálice da Salvação como um sinalizador de salvação para a família, para a empresa, para os negócios, para tudo. O cálice envolveu uma conexão entre a nação de Israel e o Egito – que se tornou muito próspero depois desse sinal profético. O copeiro, quando teve o sonho com o cálice de Faraó era um sinal de que o cálice de Faraó daria a ele a bênção de ver o destino da nação sendo mudado.


Davi diz no Salmos 23: “O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará. Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranquilas. Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome. Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam. Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda. Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do Senhor por longos dias.”


O cálice freia a ação do inimigo, mostrando aos filhos que é possível desfrutar dos MILAGRES do Senhor, mesmo em tempos de guerra. O inimigo que tem tentado parar, anular e paralisar você, verá a bondade do Senhor sobre a sua vida. Pode não estar sendo fácil, mas o Senhor está trabalhando a seu favor e você verá o cálice transbordar na presença do inimigo e das adversidades. Muitas vezes não temos noção do quanto o inimigo trabalha com contra-ataques para nos parar e nos frear. Mas Deus está em todo o tempo providenciando MILAGRES.


Paulo diz, em II Coríntios 14, que o Senhor tomou o cálice naquela noite. Que cálice era aquele? Era o cálice do novo destino, que nos daria direito a viver uma nova vida. Estamos vivendo um destino novo, pois estamos bebendo desse Cálice da Salvação.


Renê Terra Nova

27 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram